BLOGGER TEMPLATES - TWITTER BACKGROUNDS »

sábado, 4 de dezembro de 2010

107. Desaguando (Selfish)

Eram mar. Verdes como haviam de ser. Pois é assim que eu gosto. Meu conforto.
Gotas escorriam dele, fluindo pelo meu rosto abaixo e desaguando em minha boca avermelhada. Minha redenção.
Eu sou egoísta. Pois só a mim eu permito me ver naquelas condições.
Ao olhar dos outros, eu sou apenas sorriso.
Pois assim eu acho que deve ser.

"Eu sou o dono do SIM e do NÃO".

6 Manifestações:

Dêco disse...

Eu sou como vc. Acredita. Consigo chorar de alegria em qualquer lugar, mas de tristeza só comigo mesmo.
Espero que a alegria venha logo, e que essas lágrimas possa dar lugar ao sorriso.

Paulo Braccini disse...

Conseguirmos ser donos do SIM e do NÃO é o caminho da maturidade ... tudo na vida tem seu preço ... vc chega lá ... acredite

;-)

Gui disse...

Acho que a última frase define um caminho de vida.

Força ;)

Júlio César Vanelis disse...

Chorar faz bem... Extravaza os sentimentos!

Um abraço cara, ateh o próximo

inconstanteblog disse...

Às vezes me permito chorar na frente de alguns amigos. Não que eu queira, é que nem sempre consigo mesmo segurar. E, sinceramente, nem acho mais fraqueza...

E, por mais que só você veja este momento, em minha cabeça surge uma bela e honesta imagem humana.

Um beijo e muito obrigado pela visita ao meu blog... e legal de ver como algumas pessoas acham que não sou nordestino hehehe.

Beijo grande!

Maurício Costa disse...

Dentro da sua vida vc é mais do q o dono do sim e do não...mas tb do dia e da noite e de toda e qualquer dicotomia que queira enfrentar......

Grande abraço, cara!